PÁGINA INICIAL
  Bate-Papo
  Jogos Online
  NOTÍCIAS DE CAPA
  O MUNDO
  BRASIL
  POLÍTICA
  CRESCIMENTO PESSOAL
  MEIO AMBIENTE
  BONS NEGÓCIOS
  CIDADE
  NOSSA GENTE
  CULTURA
  FOTOS DE SERRA TALHADA
  ESTUDANTES NA REDE
  CÂMARA DOS DEPUTADOS
  TRADUTOR DE LÍNGUAS
  LISTA TELEFÔNICA
  FALE CONOSCO
  LOGIN
  WEBMAIL
          SITES ÚTEIS
Genealogia Pernambucana
Site Política para Políticos
Site Gramsci
Jornal do Comércio
Concursos Públicos
Site Jurídico.com
Site Jornal Digital
Site Correio da Cidadania
Site Carta Capital
Site Caros Amigos
Site Futbrasil.com
História de Serra Talhada
Site da IstoÉ
Site Veja Online
Site O Dia
Estatística do site
Casa da Cultura Serra Talhada
Busca de CEP
Trabalhos Escolares
Rádio Cultura FM
Rádio Lider do Vale FM
Rádio Vilabela FM
Rádio Serra Talhada FM
Rádio Nova Gospel
Rádio A Voz do Sertão
CIDADE TRI-CAMPEÃ DA BELEZA FEMININA

Por: FUCCST
por três anos consecutivos ( 1974, 1975 e 1976 ) trouxeram o título de MISS para nossa cidade.
Serra Talhada

CIDADE TRI-CAMPEÃ DA BELEZA FEMININA


Na década de 1970, os concursos de Miss representavam os momentos mais glamorosos da sociedade. Ser Miss era muito mais que ser uma bela mulher, era principalmente ser referência de toda uma geração.

Foi assim com Martha Rocha, que até hoje é citada como símbolo nacional, e não poderia deixar de ser com as serra-talhadenses que partiram para capital para representar a beleza sertaneja, e de lá, por três anos consecutivos ( 1974, 1975 e 1976 ) trouxeram o título de MISS para nossa cidade.

O que parecia impossível tornou-se realidade.

Em 1974, Cilene Aubry, Miss Serra Talhada, encantava uma multidão que lotava o Ginásio de Esporte do Geraldão no Recife, e sob aplausos era coroada a mais bela pernambucana, com direito a representar o estado no concurso de Miss Brasil, em Brasília.

Na época, tal feito equiparava-se, pelo menos para os serra-talhadenses, a ganhar uma copa do mundo. A cidade ganhou destaque na imprensa do estado inteiro, e a população passou a ver em Cilene a principal representante da cidade.

O Feito, porém se repetiu no ano seguinte, em 1975, quando Fátima Mourato, uma jovem simples, oriunda da zona rural, também encanta a platéia e o jurado. Mais uma vez, o Ginásio de Esportes do Geraldão, lotado assiste a vitória de outra serra-talhadense. A cidade começa a consolidar-se como cidade de belas mulheres e novamente é destaque na imprensa de todo estado.

Em 1976, a imprensa e as demais cidades trabalham em conjunto para impedir que a Miss Serra Talhada saia novamente vitoriosa, no entanto tiveram que se curva diante da beleza de Matilde Terto, que foi coroada MISS, trazendo assim pela terceira vez consecutiva o título para o povo serra-talhadense.

Os anos passaram e os concursos de MISS perderam seu encanto e glamour, mesmo assim Serra Talhada continua a se orgulhar dos feitos de suas filhas, orgulhosamente continua se intitulando TRI-CAMPEÃ DA BELEZA FEMININA.



© Copyright  Mário Olímpio 2003-2014
INDEXBrasil - Serviços de Internet.
Todos os direitos reservados, permitida a cópia de
conteúdos, desde que divulgada a fonte.
e-mail:redacao@serratalhada.net