PÁGINA INICIAL
  Bate-Papo
  Jogos Online
  NOTÍCIAS DE CAPA
  O MUNDO
  BRASIL
  POLÍTICA
  CRESCIMENTO PESSOAL
  MEIO AMBIENTE
  BONS NEGÓCIOS
  CIDADE
  NOSSA GENTE
  CULTURA
  FOTOS DE SERRA TALHADA
  ESTUDANTES NA REDE
  CÂMARA DOS DEPUTADOS
  TRADUTOR DE LÍNGUAS
  LISTA TELEFÔNICA
  FALE CONOSCO
  LOGIN
  WEBMAIL
          SITES ÚTEIS
Genealogia Pernambucana
Site Política para Políticos
Site Gramsci
Jornal do Comércio
Concursos Públicos
Site Jurídico.com
Site Jornal Digital
Site Correio da Cidadania
Site Carta Capital
Site Caros Amigos
Site Futbrasil.com
História de Serra Talhada
Site da IstoÉ
Site Veja Online
Site O Dia
Estatística do site
Casa da Cultura Serra Talhada
Busca de CEP
Trabalhos Escolares
Rádio Cultura FM
Rádio Lider do Vale FM
Rádio Vilabela FM
Rádio Serra Talhada FM
Rádio Nova Gospel
Rádio A Voz do Sertão
JOÃO SANTOS

Por: Diario de Pernabuco 21/02/2004
Nascido em Vila Bela, hoje município de Serra Talhada, João Pereira dos Santos precisou deixar o Estado aos seis anos.
Empresário é indicado à medalha JOÃO SANTOS


O empresário João Santos, segundo maior industrial do País no setor de cimento e o único na região Norte, foi indicado pelo deputado Sebastião Rufino para receber a medalha Joaquim Nabuco, a maior comenda da Assembléia Legislativa do Estado. A indicação da homenagem será apreciada pelos deputados. A comenda é concedida anualmente a um único cidadão pernambucano. No ano passado, a Assembléia homenageou o artista plástico Francisco Brennand.

"Será uma premiação mais que justa. João Santos tem uma trajetória impecável. Um cidadão do Interior de Pernambuco, que é o segundo maior empresário do País no setor de cimento, merece essa homenagem", argumenta Sebastião Rufino. Ele destaca que o empresário, aos 96 anos, se mantém firme no controle dos negócios do grupo, que inclui uma jornada de até 14 horas comandando empresas de produção de cimento, açúcar, álcool e papel.

Atuante também nos setores agropecuário, de comunicação (rádio, jornal e TV) e aviação, o empresário é um forte concorrente à medalha. Sua história de vida é rica em desafios. Nascido em Vila Bela, hoje município de Serra Talhada, João Pereira dos Santos precisou deixar o Estado aos seis anos. De origem pobre, se mudou com a família para a região de Paulo Afonso (AL) em busca de emprego.

Tinha apenas oito anos quando começou a trabalhar. Virou empregado na seção de etiquetas na fábrica de Linha da Pedra, de Delmiro Gouveia. Em pouco tempo, conseguiu ser promovido a garoto de recados do próprio Delmiro e de seus escritórios. Não parou mais de crescer profissionalmente. De volta a Pernambuco no início dos anos 20, concluiu o curso ginasial, chegou à faculdade e formou-se em Ciências Econômicas.

A partir daí arrumou o primeiro emprego depois do diploma na firma Adriano Ferreira & Cia. De contador passou a chefe de escritório e diretor da seção de vendas da empresa. Não demorou muito para virar sócio da firma. Em 1934, mesmo ano do casamento com dona Maria Regueira dos Santos, o jovem de 26 anos comprou com Adriano Ferreira a Usina Sant'Ana de Aguiar, que foi vendida no ano seguinte.

SUCROALCOOLEIRO - Estava marcando seu ingresso no setor sucroalcooleiro, onde pouco tempo depois assumiu a Usina Santa Tereza, iniciando o Grupo João Santos que atua em diversos setores e estados. Com unidades produtivas nos estados do Amazonas, Pará, Maranhão, Ceará, Rio Grande do Norte, Pernambuco, Sergipe, Espírito Santo e Piauí, emprega diretamente cerca de 10 mil pessoas País afora. Quadro que deve aumentar este ano, pois novas fábricas de cimento estão sendo implantadas na Bahia e no Pará. Pai de sete filhos, João Santos tem em Fernando e José seus sucessores. Os dois ocupam cargos de vice-presidente no conglomerado.
© Copyright  Mário Olímpio 2003-2014
INDEXBrasil - Serviços de Internet.
Todos os direitos reservados, permitida a cópia de
conteúdos, desde que divulgada a fonte.
e-mail:redacao@serratalhada.net